Notícias

RAIA DROGASIL: Farmacêuticos aceitam proposta da empresa

23/02/2021

 

 

 

Na Assembleia Geral Extraordinária Virtual, ocorrida também a segunda-feira, 22, os advogados do Sinfarpe, José Leniro e Josenildo Araújo, apresentaram a última proposta de acordo judicial apresentado pela Raia Drogasil aos farmacêuticos que trabalharam na empresa no período de 01/05/2015 a 30/04/2016. A ação refere-se à diferenças de horas extrapoladas pela carga horária de 30 horas semanais, como era obrigatoriedade na época. Segundo o advogado José Leniro, após muitas propostas incabíveis, finalmente o patronato encaminhou uma, considerada viável ao jurídico do sindicato, mas para ser fechada entre as partes necessitaria do aval dos profissionais afetados.

 

Por unanimidade, os farmacêuticos aceitaram o que foi proposto pela Raia Drogasil, o qual fechou o acordo da ação coletiva movida pelo sindicato, num montante de um milhão e cem mil reais, que será diluído aos profissionais que constam no processo, levando-se em conta o período trabalhado. Pelo acordo, haverá um deságio de 14,40% sobre os montantes pagos. O percentual é em inferior ao que foi negociado com a Big Ben, à época do fechamento da empresa.

 

Para o presidente Holdack Velôso, a proposta é boa, levando-se em conta o momento atual pelo qual passa a economia do país e a situação provocada pela pandemia do coronavírus. A partir de agora, os advogados vão, após a lavratura da ata da Assembleia em cartório, contactar o jurídico da Drogasil e providenciar o acordo para leva-lo ao juiz. O próximo passo depois destes será a homologação e a realização dos cálculos. Quando estiver nesta fase, todos os farmacêuticos contemplados serão comunicados pelo Sinfarpe pelos canais de comunicação do sindicato e através de e-mails.

 

Participaram da Assembleia, o presidente Holdack Velôso, os diretores, Luciano Costa (vice-presidente), Dimas Felipe, Aline Cavalcante e Brygida Maria Fernandes Soares, bem como os advogados da instituição, Josenildo Araújo e José Leniro, e a coordenadora da entidade sindical, Andréa Ribeiro.

 

Sindicato é pra lutar.

JUSTIÇA JUNTOS!

 


Veja outras publicações