Notícias

Seleção Simplificada em Olinda: UMA VERGONHA!

29/03/2021

165006210_1616332765228998_4866646822929649165_o

Após mobilização do SINFARPE, que teve por parte do Vereador olindense Vinicius Castello e sua equipe, total e fundamental apoio, a Prefeitura Municipal de Olinda voltou atrás e divulgou uma errata alterando o valor do salário oferecido para farmacêutico na Seleção Simplificada.


Contudo, a Secretaria de Saúde de Olinda manteve uma oferta salarial vergonhosa e muito aquém do que prega a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) para quem trabalha em hospitais e unidades de saúde destinadas ao atendimento de pacientes. O valor saiu de R$ 1.100,00 para R$ 1.500,00. Ou seja, a Prefeitura ajustou o salário de acordo com o valor do último certame e não de acordo com a reivindicação do Sindicato.


Desde que o Edital foi lançado, o SINFARPE iniciou uma mobilização para alterar o numerário. Soltou Nota de Repúdio e enviou Carta Denúncia à imprensa mostrando o descaso, encaminhou ofícios à Secretaria de Saúde do município, ao gabinete do prefeito e à presidência da Câmara de Vereadores em busca de apoio, não tendo recebido retorno de nenhum dos órgãos, nem da imprensa, para a construção de um diálogo e expor a indignação da categoria.


Porém, é importante e justo ressaltar que, logo após a postagem contra a seleção nas mídias do sindicato, a entidade obteve contato com o Vereador Vinicius Castello, que de imediato colocou seu gabinete alinhado à luta, tendo sua equipe mantido contato incessante com a Secretaria de Saúde, pressionando pela publicação de errata do edital da seleção, com novos valores.


"A mobilização do nosso SINFARPE obteve resultado, mas a Prefeitura optou por continuar a desvalorizar uma grande parte dos profissionais listados na Seleção Simplificada. Não falo só dos farmacêuticos, mas de todos os outros que continuaram com as ofertas de R$ 1.100,00. Isso é uma vergonha, uma afronta e uma grande falta de respeito com trabalhadores da saúde, num momento tão crítico que é o da pandemia. Diante de todo ocorrido, a diretoria do sindicato mantém a orientação de que nenhum farmacêutico se inscreva no certame. O profissional merece valorização!", desabafa Holdack Velôso, presidente da entidade sindical.

O SINFARPE jamais ficará calado!

Justiça Juntos! 


Veja outras publicações